Ana Rita Gonçalves

Nasceu em Lisboa, em 1981. Aos 6 anos de idade ingressou na Academia de Música de Santa Cecília, onde completou o 8º Grau de Violino sob a orientação do professor Vasco Brôco.

É licenciada em Violino pela Escola Superior de Música de Lisboa, onde integrou a classe do professor António Anjos. Participou em diversas Masterclasses com professores como Jiri Tomacek, Gerardo Ribeiro, Boris Kuniev, Alexander Trostiansky e Ulf Hoelscher.

Participou nos estágios de Verão da Orquestra Portuguesa das Escolas de Música de 1998 a 2000. No ano de 1999 passou a integrar a Orquestra Sinfónica Juvenil, sob a direcção dos maestros Roberto Perez e Christopher Bochmann, onde foi concertino auxiliar.

Em 2005, a convite do quarteto de Cordas São Roque, apresentou-se em Cork, Irlanda – Capital Europeia da Cultura. No mesmo ano adquire parte valiosa da sua formação docente com a professora Betty-Haag, em Chicago. Como instrumentista convidada, já tocou com a Orquestra Gulbenkian, a Orquestra do Norte, e com a Lisbon Film Orchestra.

Desde 2005 dedica-se, quase em exclusividade, ao ensino da música, mantendo actividade residual como instrumentista free-lancer.

Procurando sempre familiarizar-se com pedagogias inovadoras através de formação contínua, entre 2014 e 2016, teve oportunidade de partilhar e actualizar os seus conhecimentos junto dos professores Alf Richard Kraggerud, Sygin Fossnes, Grete Rasmussen, Stephan Barratt-Due, entre outros, ao abrigo de um protocolo entre a Academia de Música de Lisboa e o Barratt-Due Institute (Oslo).

Como professora da Academia, para além de leccionar violino e classe de conjunto, tem assumido outros projectos (Orquestra de Cordas Verney, de 2008 a 2013, colaboração na organização de workshops, estágios, etc.) e conta já com vários alunos premiados em concursos nacionais e internacionais realizados em Portugal. Noutro registo pedagógico, tem colaborado também com o projecto Flauta Mágica (música para bebés).

Para além da sua formação artística, é também licenciada em Filosofia pela Faculdade de Letras de Lisboa e tem o mestrado em Gestão Cultural no ISCTE-IUL.